Atendimento 24h: 0800 878 7874 Concurso Público

Saneamento básico é prioridade para o SAAE

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) busca recursos para aprimorar o saneamento básico na cidade

Em 2011, o SAAE, de Capivari, conseguiu regularizar-se quanto às outorgas e licenciamentos ambientais de suas captações de água, bem como no lançamento de efluentes domésticos tratados e não tratados. Desde então, busca recursos junto ao Governo do Estado de São Paulo para aperfeiçoar o saneamento básico no município.

Para conseguir recursos junto ao Fundo Estadual de Recursos Hídricos (Fehidro) foi necessário que o SAAE tivesse a aprovação pelo IPT (Institutos de Pesquisas Tecnológicas) do Plano Diretor de Perdas.

A autarquia já protocolou cinco projetos junto o Fehidro que chegam a mais de R$10 milhões, recursos estes, adquiridos a fundo perdido com contrapartida do SAAE.

Um dos projetos permite a substituição de 16,5 km de redes hidráulicas de água com remanejamento de ligações domiciliares com duração estimada em 500 anos.

Outro projeto, permite de inicio, a implantação de 2,017 metros de coletor tronco, que irá coletar o esgoto dos bairros, São Pedro, Santa Rita e Ribeirão. Será permitida também a construção de uma EEE (Estação Elevatória de Esgoto) e 2.492 metros de linhas de recalque para transportes de esgotos até a ETE do bairro Alto Castelani.

Ainda por meio do Fehidro, será possível a implantação do Projeto de Macro e Micro Medição e a Implantação do Plano Diretor de Combate a Perdas que possibilitará que todos os reservatórios e poços artesianos sejam monitorados 24 horas por dia. Dois novos projetos estão em fase de análises.

Desenvolve SP
Outro programa que visa agregar recursos junto a prefeituras e autarquias é a Agência de Desenvolvimento Paulista (Desenvolve SP) que desde 2009, busca adequar linhas de financiamento para o setor público e oferece juros baixos e prazos longos para apoiar a administração municipal no desenvolvimento sustentável do Estado.

O SAAE conquistou junto a Desenvolve SP recurso para finalizar a obra da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) do bairro Alto Castelani. O recurso é de R$ 3,1 milhões e possibilitará ao município coletar e tratar o esgoto de 15 mil habitantes.

Programa Água Limpa
O Governo do Estado de São Paulo criou em 2005 o Programa “Água Limpa” que possibilita implantar sistemas de tratamento de esgoto em municípios com até 50 mil habitantes.

Em Capivari, este programa foi assinado pelo Governador Geraldo Alckmin (PSDB) no último dia 2, na Câmara Municipal. O convênio permite a construção de 2,6 km de emissários, duas Estação Elevatória de Esgoto, 660 metros de linha de recalques e uma ETE (Estação de Tratamento de Esgoto) moderna, padrão holandês que irá proporcionar o tratamento para 30 mil pessoas.

Com a conquista destes recursos, Capivari se tornará um município universalizado em saneamento básico, ou seja, 300%: 100% de água tratada, 100% de esgoto coletado e 100% de esgoto tratado.

Segundo o superintendente do SAAE, José Luiz Cabral, todos os recursos elencados totalizam mais de R$30 milhões, o que prova o empenho da administração municipal em sanear o município.

O prefeito Rodrigo Abdala Proença (PPS) explica que todos os esforços do SAAE estão orientados à saúde pública municipal. “Saneamento básico também é prioridade em meu plano de governo. Temos a consciência de que cada R$1 investido traz R$4 de retorno para a saúde pública”, afirma.