Prefeitura revoga decreto que determinava período para uso restrito da água

O prefeito Rodrigo Abdala Proença (PPS) revogou nesta segunda-feira, 22, o decreto 6.072/2014, que determinava o período de restrição de uso da água. Desde 3 novembro, a lei 4.568/2014 estabelecia medidas preventivas para utilização da água.

Segundo o superintendente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae), José Luiz Cabral, “com a volta das chuvas, seria desnecessário manter o período de restrição”. Ele diz que a lei alcançou seu objetivo. “A população demonstrou ter se conscientizado sobre a importância do uso racional. No entanto, mesmo com a liberação, é fundamental que os moradores continuem utilizando a água de maneira consciente.”

Com a revogação do decreto, volta a ser permitida a utilização de água da rede pública para, por exemplo, a lavagem de calçadas, quintais e veículos, o enchimento e esvaziamento de piscinas e o despejo de água tratada na rede pluvial ou na rede de esgoto. Postos de combustíveis também podem retomar a lavagem de carros.